Show simple item record

dc.contributor.advisorCabral, Renan Desimonpt_BR
dc.contributor.authorVanni, Douglas da Costapt_BR
dc.date.accessioned2024-03-27T06:38:44Zpt_BR
dc.date.issued2024pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10183/274272pt_BR
dc.description.abstractIntrodução: O tratamento para o câncer de bexiga músculo-invasivo é delicado e complexo, com taxas de morbidade e mortalidade elevadas. Na maioria dos casos o tratamento cirúrgico é indicado. Novas estratégias clínicas e cirúrgicas vêm sendo desenvolvidas buscando otimizar os tratamentos existentes, bem como reduzir as taxas de óbitos e complicações. Método: Trata-se de uma pesquisa de Trabalho de Conclusão da Residência Médica em Urologia. O estudo consiste na análise de um banco de dados pré-existente do Serviço de Urologia do Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA). Realizou-se uma pesquisa de revisão da literatura, seguida por análise de dados com base nos aspectos propostos pelo score CABEM e classificação de Clavien-Dindo. Resultados: Foram analisados registros de 57 pacientes submetidos à cirurgia de cistectomia radical pelo Serviço de Urologia nos últimos 5 anos. No total 44 (77,2%) pacientes eram do sexo masculino. A média da idade foi de 66,16 DP 10,60. Observou-se que 47 pacientes (82,5%) apresentaram complicações pós-operatórias e destes, 32 pacientes (56%) apresentaram complicações com pontuação de grau 3 ou superior pela classificação de Clavien-Dindo. Conclusão: Observou-se elevadas taxas de complicações na amostra avaliada. O score CABEM parece ser uma ferramenta relevante para a escolha de tratamentos mais assertivos e uma possível diminuição das taxas de mortalidade no pós-operatório. Entretanto, aparentemente as taxas de complicações se mostraram semelhantes independente da classificação CABEM. No HCPA, a técnica cirúrgica predominante se dá pela abordagem transperitoneal, talvez a via extraperitoneal poderia ser uma opção a ser estudada para tentar minimizar as complicações pós-operatórias. O score CABEM assim como a classificação Clavien-Dindo se mostraram de fácil utilização na rotina médica. Os instrumentos aparentam ser benéficos para guiar os urologistas na escolha dos tratamentos mais adequados para cada caso. Apesar disso, ainda não há um protocolo padrão adotado pelo Serviço de Urologia do presente hospital. Com este estudo, espera-se sugerir a formalização da utilização dos mesmos na rotina do Serviço.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.rightsOpen Accessen
dc.subjectUrologiapt_BR
dc.titleAvaliação de aspectos propostos pelo score CABEM e Clavien-Dindo em pacientes submetidos à cistectomia radical para remoção do câncer de bexiga : análise de banco de dadospt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de especializaçãopt_BR
dc.identifier.nrb001198885pt_BR
dc.degree.grantorHospital de Clínicas de Porto Alegrept_BR
dc.degree.localPorto Alegre, BR-RSpt_BR
dc.degree.date2024pt_BR
dc.degree.levelespecializaçãopt_BR
dc.degree.specializationPrograma de Residência Médica em Urologiapt_BR


Files in this item

Thumbnail
   

This item is licensed under a Creative Commons License

Show simple item record