Show simple item record

dc.contributor.advisorCamargo, Tatiana Souza dept_BR
dc.contributor.authorKael, Caroline Conceição Baumgartpt_BR
dc.date.accessioned2022-04-25T17:46:41Zpt_BR
dc.date.issued2022pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10183/237742pt_BR
dc.description.abstractO trabalho teve como objetivo sensibilizar adolescentes do Projeto Amor sobre hábitos alimentares saudáveis. O público-alvo foram aproximadamente 20 estudantes em situação de vulnerabilidade social que frequentam a OSC Projeto Amor, que enfrentam dificuldades estruturais e financeiras para uma alimentação adequada, sendo muito prejudicados no que se refere ao rendimento escolar, sem muitas vezes identificar a má alimentação como um dos principais motivos para esse fato. A metodologia esteve pautada em transmitir informações práticas para o público escolhido, foi planejada uma sequência didática com atividades que transmitam conhecimento teórico, mas também vivências de atividades que estavam ligadas à produção e consumo de alimentos. Os resultados permitiram que os estudantes compreendessem os alimentos saudáveis, valorizando uma dieta diversificada e se permitindo experimentar alimentos que não costumam fazer parte do seu ambiente familiar. Despertando também a autonomia desses estudantes, que aprenderam, reconheceram e refletiram sobre o que faz bem e o que é prejudicial à saúde. Como conclusão fica a impressão que realmente o que pode fazer a diferença na vida destes estudantes é a conscientização da importância da alimentação, não somente para a vida escolar, mas para a saúde num aspecto geral. Esta conscientização que anda junto com a autonomia surge como solução possível a curto prazo.pt_BR
dc.description.abstractThe objective of this work was to sensitize teenagers from Projeto Amor about healthy eating habits. The target audience was approximately 20 students in a situation of social vulnerability who attend the OSC Projeto Amor, who face structural and financial difficulties for an adequate diet, being greatly impaired in terms of school performance, without often identifying poor diet as a one of the main reasons for this fact. The methodology was based on transmitting practical information to the chosen audience, a didactic sequence was planned with activities that convey theoretical knowledge, but also experiences of activities that were linked to the production and consumption of food. The results allowed students to understand healthy foods, valuing a diverse diet and allowing themselves to try foods that are not usually part of their family environment. Also awakening the autonomy of these students, who learned, recognized and reflected on what is good and what is harmful to health. In conclusion, the impression is that what can really make a difference in the lives of these students is the awareness of the importance of food, not only for school life, but for health in general. This awareness that goes hand in hand with autonomy appears as a possible short-term solution.en
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.rightsOpen Accessen
dc.subjectDesempenho escolarpt_BR
dc.subjectHealthy eatingen
dc.subjectSchool performanceen
dc.subjectVulnerabilidade socialpt_BR
dc.subjectAlimentação escolarpt_BR
dc.subjectSocial vulnerabilityen
dc.titleA Infuência da nutrição no desempenho escolar de crianças e adolescentes em vulnerabilidade socialpt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.identifier.nrb001139479pt_BR
dc.degree.grantorUniversidade Federal do Rio Grande do Sulpt_BR
dc.degree.departmentInstituto de Geociênciaspt_BR
dc.degree.localPorto Alegre, BR-RSpt_BR
dc.degree.date2022pt_BR
dc.degree.graduationCiências da Natureza para os Anos Finais do Ensino Fundamental: Licenciaturapt_BR
dc.degree.levelgraduaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail
   

This item is licensed under a Creative Commons License

Show simple item record